Página 4 de 7

MensagemEnviado: Sexta Nov 23, 2007 11:51 pm
por jap
hexphreak Escreveu:A Ilha Misteriosa foi aquele romance, é o meu absoluto preferido de Júlio Verne.
(...)


Também é o meu preferido. :wink:

MensagemEnviado: Sábado Nov 24, 2007 12:28 am
por jap
Bem há dias encontrei um montão de vídeos no youtube com uma das experiências mais perigosas que se podem fazer em casa. :bad:

Por isso, antes de mais deixem-me relembrar-vos o título desta thread: experiências a NÃO fazer!

Já ouviram falar do gás de Brown? :roll:

MensagemEnviado: Sábado Nov 24, 2007 11:22 am
por jap
Se não seguiram a história do charlatão "prof. Brown", aqui vai um vídeo que demonstra o seu "invento":

Um novo fuel: água!

O Gás de Brown é uma mistura estequiométrica 2:1 de hidrogénio e oxigénio, em gás, também conhecido com o nome fantástico de gás HHO!

O que é que está errado aqui? :roll:

MensagemEnviado: Sábado Nov 24, 2007 12:21 pm
por MiguelReisOrcinha
é a mesma coisa que H20... :? pelo menos parece... até porque o hidrogénio faz 2 ligações covalentes com o oxigénio... tal como o mirabolante HHO... :?

que novo arranjo e que ele deu à molécula? a mim parece-me que ele está a queimar hidrogénio e óxigénio ao mesmo tempo... ele faz uma electrólise da água, mistura os gases e queima-os...

MensagemEnviado: Sábado Nov 24, 2007 2:33 pm
por jap
HHO ou oxidrogénio (também conhecido impropriamente por gás de Brown) é simplesmente a mistura dos gases \rm H_2 e \rm O_2 que resultam da hidrólise da água

Isto é o HHO!

Têm sido propagandeadas propriedades" miraculosas" desta mistura gasosa por Brown e seus acólitos, sem fundamento, e o resultado é que há imensa gente a tentar produzir HHO em casa, o que é extremamente perigoso! :bad:

Vejam esta célula electrolítica caseira...

Electrólise da água com MUITOS amperes de corrente

E olhem este portuga...com a sua soldadura a HHO no youtube!

Portuga "HHO welder" 1

Portuga "HHO welder" 2

Sabem dizer onde está o perigo? :roll:

MensagemEnviado: Sábado Nov 24, 2007 3:58 pm
por jap
E pode ser mesmo um grande BUM!

O engraçado é que o "Prof. Brown & Co." defende que a sua mistura gasosa não é explosiva, mas implosiva (entenda-se, portanto, segura). E ele prova-o, com a física: uma vez que a combustão do hidrogénio gera água, que tem um volume muito menor do que os reagentes (gasosos), então não pode haver explosão mas sim implosão.
Por exemplo, se "estourarem" hidrogénio + oxigénio no interior de um cilindro com um pistão, o pistão é sugado e não ejectado para fora. :shock:

Onde está o erro deste raciocínio? :roll:

MensagemEnviado: Sábado Nov 24, 2007 4:01 pm
por jap
Miguel,

O que é que aconteceu ao teu post onde tu brilhantemente terminaste com "I rest my case?" :roll:

MensagemEnviado: Sábado Nov 24, 2007 4:05 pm
por MiguelReisOrcinha
lol quis reformular citando fontes melhores... eu sou demasiado impulsivo... a unica coisa que me ocorreu sempre foi o risco de explosão... e depois pensei: vou procurar melhor... mas afinal não estava errado... de facto o perigo é mesmo armazenar sobre altas pressões algo que tão facilmente entra em combustão e de forma tão descontrolada...

encontrei um artigo que falava em implosão em vez de explosão... o professor podia explicar-me como é isso possível?

MensagemEnviado: Domingo Nov 25, 2007 11:41 pm
por FF
Falando de charlatanismo científico - o que pensam daqueles motoristas que pagam 10 euros para encher os pneus de azoto? :)
Há uns dias fiz uma viagem com um amigo que me jurou que desde que enchia os pneus com azoto a condução era muito mais segura, os pneus duravam o dobro e gastava mutio menos gasolina. Tive de desistir de o contrariar, senão arriscava-me a ter de acabar a viagem à boleia...

MensagemEnviado: Segunda Nov 26, 2007 5:15 pm
por hexphreak
Já tinha ouvido falar disso, é a velha história da sugestão. Há um artigo interessante no Straight Dope precisamente sobre esse assunto :)

MensagemEnviado: Segunda Nov 26, 2007 6:07 pm
por MiguelReisOrcinha
eu não percebo nada sobre a contenção de gases nem sei as propriedades do azoto... mas que diferença é que alguns gramas (deduzo que a diferença entre o azoto e o ar seja minimamente significativa e seja essa a única diferença principal entre os 2 gases) vão fazer na condução?

até porque o ar que respiramos nem é constituido por 78% de azoto nem nada :roll:

MensagemEnviado: Terça Nov 27, 2007 2:13 pm
por jap
MiguelReisOrcinha Escreveu:
encontrei um artigo que falava em implosão em vez de explosão... o professor podia explicar-me como é isso possível?



Imagina que fazes a ignição de "HHO" num cilindro fechado com um pistão. Depois da explosão produz-se água que condensará nas paredes do cilindro se ele estiver frio (a reacção é exotérmica e a água irá inicialmente formar-se como gás mas rapidamente condensará nas paredes do cilindro se ele estiver frio). Como a água líquida ocupa um volume muito menor do que a os reagentes, de facto haverá um efeito de implosão, ou seja o pistão não será puxado para fora mas para dentro do cilindro onde ocorreu a reacção.

Mas atenção: isto só é válido nesta situação particular onde se garante que haja uma condensação imediata do vapor de água. Se tentarem uma segunda ou terceira implosão dentro do mesmo tubo, verão que já não funciona - pelo contrário o pistão será puxado violentamente para fora, porque o vapor de água sai "quente" da reacção e o cilindro entretanto começa a aquecer.

Em resumo. Não nos devemos fiar que a reacção \rm H_2 + O_2 \to 2~H_2O causa sempre uma implosão, o risco de causar uma verdadeira e grave explosão é bastante sério! Brincar com hidrogénio é um grande risco! :bad:

Poderão fazer, se tomarem os devidos cuidados, uma pequenina electrólise da água em casa (é uma experiência clássica, acessível, que todos podem e devem fazer!) mas não tenham chamas por perto e não tentem, de forma alguma, recolher o gás e guardá-lo ou queimá-lo para ouvir o "estouro"!

MensagemEnviado: Terça Nov 27, 2007 5:06 pm
por MiguelReisOrcinha
ahh ja percebi... pois eu não tava a ver como é que em condições normais esta mistura poderia implodir...

eu ja fiz a electrolise... é bem giro... faz mesmo bastante barulho (óbvio que eu não me podia ficar por somente um bocadinho de hidrogénio né? :D)

coisas de puto :P

MensagemEnviado: Quarta Nov 28, 2007 12:24 am
por jap
A propósito de electrólise esta filmada e colocada no youtube está gira, porque mostra a electrólise também a funcionar ao contrário quando se desliga a pilha - por uns breves instantes funciona como pilha de hidrogénio :D

Electrólise e pilha de hidrogénio

MensagemEnviado: Quinta Nov 29, 2007 10:36 pm
por jap
E a propósito de grandes "cientistas" que fazem explosões em casa vejam a entrevista do prémio Nobel Osheroff: :lol:

Douglas Osheroff - o miúdo que fazia explosões em casa!

Douglas Osheroff - entrevista completa

Os olímpicos 2006 conheceram este prémio Nobel pessoalmente, em Singapura, na IPhO'06! :D