Variação do coeficiente de atrito com a massa (p. inclinado)

Expõe aqui as tuas questões e dúvidas sobre assuntos de Física.

Re: Variação do coeficiente de atrito com a massa (p. inclinado)

Mensagempor Dynamis em Segunda Nov 23, 2009 8:09 pm

Já agora, o mecanismo do atrito para corpos deformáveis como a borracha dum pneu de automóvel resulta de dois fenómenos:

* a deformação viscoelástica cíclica do pneu (ou histerese), devido à existência de sulcos e poros na macro-textura da superfície do piso;
* as interacções moleculares de adesão (ou forças de van der Waals), que se desenvolvem entre as moléculas de materiais diferentes na micro-textura da superfície: p.ex. a borracha do pneu e o asfalto do piso.

A faixa de "comprimento de onda" ou distância entre 2 picos ou depressões:

Num manual sobre construção de auto-estradas e pavimentos em asfalto vem lá esta compartimentação (pelo menos assim é considerado em engenharia rodoviária):

Micro-textura: λ < 0,5mm
Macro-textura: 0,5mm ≤ λ < 50mm

Ora, quando a pressão aumenta, tal como foi dito, a área real de contacto aumenta pela deformação elástica e/ou plástica dos constituintes das superfícies de contacto. No caso do pneu dum automóvel, perante um aumento da pressão, a borracha que forma o piso do pneu é deformada adaptando-se mais às irregularidades do piso e, com isso, aumentando o atrito estático F {_s}
Avatar do utilizador
Dynamis
bottom-Quark!
bottom-Quark!
 
Mensagens: 76
Registado: Quinta Fev 21, 2008 8:41 pm

Re: Variação do coeficiente de atrito com a massa (p. inclinado)

Mensagempor jap em Segunda Nov 23, 2009 8:44 pm

Dynamis Escreveu:
jap Escreveu:
Mas numa derrapagem, a velocidade constante, há movimento relativo entre as superfícies em contacto, ou não? Penso que aqui se não se aplica o coeficiente de atrito estático mas cinético. Aliás, derrapagem significa isso mesmo: haver movimento relativo entre o ponto de contacto das rodas com o solo e o solo... :roll:


Sim, em derrapagem (ou deslizamento) há movimento relativo entre as superfícies de contacto. Todavia, havendo movimento relativo, a condição que se aplica é de coeficiente de atrito cinético (\mu _{k}), que é menor que o atrito estático (\mu _{s}).


Sim, era o que eu queria dizer. Foi uma gralha :? , já corrigi acima. Quando há movimento relativo entre as superfícies em contacto aplica-se o coeficiente de atrito cinético; quando não há movimento relativo, o estático.

E os mecanismos responsáveis pelo atrito nos pneus de um automóvel são, de facto, interessantes! :D A viscoelasticidade da borracha e os fenómenos de adesão têm muito que se lhes diga! Pertencem a um ramo da física que dá pelo nome de reologia (não tem a ver com relógios, não...) :lol:
José António Paixão
Departamento de Física da FCTUC
Avatar do utilizador
jap
Site Admin
Site Admin
 
Mensagens: 6792
Registado: Quinta Nov 09, 2006 9:34 pm
Localização: Univ. de Coimbra

Re: Variação do coeficiente de atrito com a massa (p. inclinado)

Mensagempor andre_almeida em Terça Nov 24, 2009 2:34 pm

Boas pessoal, eu já tenho a resposta (que me foi explicada ontem por um stôr):

- Se m aumenta, N aumenta

N = m g cos@

- Se cos@ aumenta, @ diminui, logo, o coeficiente também diminui.


Mas obrigado a todos pelas vossas respostas ;)


Cumprimentos,
AndreLMS
andre_almeida
gluão
gluão
 
Mensagens: 15
Registado: Domingo Nov 22, 2009 10:10 pm

Re: Variação do coeficiente de atrito com a massa (p. inclinado)

Mensagempor Tharis em Terça Nov 24, 2009 3:40 pm

Mas isso não é nada que não tenha sido dito aqui.

Eu acho que tu estás a confundir coeficiente com força de atrito. Tu podes ter o mesmo coeficiente e duas forças de atrito distintas.
Avatar do utilizador
Tharis
up-Quark!
up-Quark!
 
Mensagens: 387
Registado: Quinta Out 23, 2008 4:26 pm

Re: Variação do coeficiente de atrito com a massa (p. inclinado)

Mensagempor Dynamis em Terça Nov 24, 2009 7:33 pm

andre_almeida Escreveu:
Se cos@ aumenta, @ diminui, logo, o coeficiente também diminui.


Negativo, André. Se variares a força N, seja pela variação de \theta ou pela variação de m, ou até mesmo pelo valor da aceleração do campo gravítico g, mantendo as mesmas superfícies de contacto e temperaturas*, obterás forças de atrito diferentes, de situação para situação. Todavia, nas condições descritas, o coeficiente de atrito manter-se-á.

Pensa na equação do atrito, já aqui apresentada :wink: :

F = \mu \times N\Leftrightarrow

F = \mu \times mg \times \cos \theta

A dependência de \mu é em relação às superfícies de contacto, em termos de:

*formação das micro e macro-texturas
*dureza
*temperatura
Avatar do utilizador
Dynamis
bottom-Quark!
bottom-Quark!
 
Mensagens: 76
Registado: Quinta Fev 21, 2008 8:41 pm

Re: Variação do coeficiente de atrito com a massa (p. inclinado)

Mensagempor andre_almeida em Terça Nov 24, 2009 8:56 pm

Sim, realmente tens razão...

Estava a confundir os dois.

Mas já tenho a resposta para a diminição do angulo. Obrigado a todos :)
andre_almeida
gluão
gluão
 
Mensagens: 15
Registado: Domingo Nov 22, 2009 10:10 pm

Re: Variação do coeficiente de atrito com a massa (p. inclinado)

Mensagempor Dynamis em Terça Nov 24, 2009 9:34 pm

Já agora...

Lanço aqui uma questão tricky!!!

Foi dito e demonstrado que o atrito é independente da área aparente de contacto, ou seja, quando, para uma dada força de sustentação N, a área aparente S aumenta, a pressão P exercida entre as superfícies diminui e N mantém-se constante, pela equação:

P = {N \over S}

Então, será que, comparativamente, um automóvel com pneus mais largos consegue acelerar/travar/curvar mais do que outro automóvel com pneus mais estreitos?

------------

Condição: os pneus, em ambos os testes, têm o mesmo diâmetro e os veículos são idênticos.
Avatar do utilizador
Dynamis
bottom-Quark!
bottom-Quark!
 
Mensagens: 76
Registado: Quinta Fev 21, 2008 8:41 pm

Re: Variação do coeficiente de atrito com a massa (p. inclinado)

Mensagempor videirinha99 em Sexta Nov 25, 2011 11:10 pm

E se considerarmos a projeção escalar da força de atrito num plano inclinado? Até que ponto varia com a massa?
Famax=mgsen8max
famax=uemgcos8max
Até que ponto as grandezas se interligam?
Inês Videira
videirinha99
gluão
gluão
 
Mensagens: 6
Registado: Terça Nov 08, 2011 5:37 pm

Anterior

Voltar para Questões sobre Física

Quem está ligado

Utilizadores a navegar neste fórum: Nenhum utilizador registado e 3 visitantes

cron