Campo eléctrico na vizinhança de um fio

Neste arquivo iremos colocar os problemas já resolvidos (não são problemas "mortos" porque a discussão pode continuar a qualquer altura!)

Campo eléctrico na vizinhança de um fio

Mensagempor Bruno Oliveira em Domingo Set 26, 2010 10:19 am

Este é um dos primeiros problemas de Electromagnetismo que tenho, e como o achei simultaneamente simples e interessante, decidi colocá-lo aqui:

Considerem um fio rectilíneo uniformemente carregado com densidade de carga \lambda.

Calculem o campo eléctrico em função da distância r ao fio.
e^{ix}=cos x + i\,sin x
Avatar do utilizador
Bruno Oliveira
top-Quark!
top-Quark!
 
Mensagens: 1553
Registado: Quarta Nov 14, 2007 10:19 pm
Localização: Lisboa

Re: Campo eléctrico na vizinhança de um fio

Mensagempor hexphreak em Domingo Set 26, 2010 10:40 am

Muito simples, de facto. É um dos primeiros exemplos da lei de Gauss das aulas da Prof. Lucília (e de qualquer cadeira/livro de EM, claro). Vou deixar para quem ainda não conhecer :)
Avatar do utilizador
hexphreak
top-Quark!
top-Quark!
 
Mensagens: 1959
Registado: Segunda Nov 05, 2007 8:52 pm
Localização: Maia/Porto

Re: Campo eléctrico na vizinhança de um fio

Mensagempor Bruno Oliveira em Domingo Set 26, 2010 11:25 am

Eu não o conhecia antes de o fazer, mas como gostei tanto do método que usámos na nossa aula de EM, achei-o digno de ser postado aqui no fórum! :lol:

E acredito que haja exemplos ainda mais interessantes! Com o tempo, e assim que os for aprendendo posso ir postando aqui! :wink:

Abraço
e^{ix}=cos x + i\,sin x
Avatar do utilizador
Bruno Oliveira
top-Quark!
top-Quark!
 
Mensagens: 1553
Registado: Quarta Nov 14, 2007 10:19 pm
Localização: Lisboa

Re: Campo eléctrico na vizinhança de um fio

Mensagempor Simbelmyne em Domingo Set 26, 2010 7:07 pm

fio infinito?
Avatar do utilizador
Simbelmyne
up-Quark!
up-Quark!
 
Mensagens: 344
Registado: Quarta Jan 09, 2008 7:58 pm
Localização: Porto | Lisboa | Angra do Heroísmo

Re: Campo eléctrico na vizinhança de um fio

Mensagempor Bruno Oliveira em Domingo Set 26, 2010 10:49 pm

O resultado é independente do comprimento do fio... Mas para efeitos de contas podes considerá-lo infinito que foi o que eu fiz... :P
e^{ix}=cos x + i\,sin x
Avatar do utilizador
Bruno Oliveira
top-Quark!
top-Quark!
 
Mensagens: 1553
Registado: Quarta Nov 14, 2007 10:19 pm
Localização: Lisboa

Re: Campo eléctrico na vizinhança de um fio

Mensagempor hexphreak em Segunda Set 27, 2010 7:00 pm

Bruno Oliveira Escreveu:O resultado é independente do comprimento do fio... Mas para efeitos de contas podes considerá-lo infinito que foi o que eu fiz... :P

Deves-te ter enganado nas contas, porque o resultado depende do comprimento... Embora para um fio infinito possas usar a lei de Gauss devido às simetrias, e tens o resultado em duas linhas, para um fio de comprimento finito, digamos 2L, tens mesmo que integrar o campo eléctrico (ou o potencial e depois calcular o gradiente). Para além disso, depende da posição do ponto ao longo do fio, sendo o problema "típico" calcular o campo no ponto médio.
Avatar do utilizador
hexphreak
top-Quark!
top-Quark!
 
Mensagens: 1959
Registado: Segunda Nov 05, 2007 8:52 pm
Localização: Maia/Porto

Re: Campo eléctrico na vizinhança de um fio

Mensagempor Bruno Oliveira em Segunda Set 27, 2010 7:43 pm

Não, Henrique, não me enganei nas contas, obtenho mesmo o resultado correcto! Mas estou a dizer que, nas minhas contas, considerei o fio infinito, mas para "montar" o integral que me resolve o problema, considerei um troço de comprimento L no fio... Ou seja, imaginei duas cargas separadas de uma distância L, a criarem um campo a uma distância r do fio... No caso do fio infinito, o resultado não depende do comprimento do fio, no caso finito, já depende, mas o que se quer aqui é fio infinito daí ter dito que o resultado não depende do comprimento.. my bad :P
e^{ix}=cos x + i\,sin x
Avatar do utilizador
Bruno Oliveira
top-Quark!
top-Quark!
 
Mensagens: 1553
Registado: Quarta Nov 14, 2007 10:19 pm
Localização: Lisboa

Re: Campo eléctrico na vizinhança de um fio

Mensagempor ampat em Segunda Jan 17, 2011 8:41 am

Pois bem, apenas para postar a resolução...

Como apresentado o problema e assumindo que o espaço é simétrico( :D ), podemos assumir que o campo electrico \vec{E} é radial em relação à linha e que, portanto, o seu módulo é constante em pontos equidistantes da linha.

Consideremos agora para superfície gaussiana uma superfície cilíndrica S coaxial com a linha de raio r e, por simplicidade, com comprimento 1( à falta de unidades específicas para o problema ). De acordo com a lei de Gauss( na sua forma integral ), o fluxo do campo através de S é proporcional à carga no seu interior, ou mais precisamente:

\\\int\int_{S}{\vec{E}\cdot \vec{n}\,dS}=\frac{q_{int}}{\epsilon_0}

onde q_{int} é a carga no interior da gaussiana, logo q_{int}= \lambda.

Uma vez que assumimos simetria radial em torno da linha e magnitude do campo constante em pontos equidistantes, temos evidentemente que

\\\int\int_{S}{\vec{E}\cdot \vec{n}\,dS}= 2\pi r |\vec{E}|

Logo,

\vec{E}=\frac{1}{4\pi\epsilon_0}\cdot\frac{2\lambda}{r}\hat{r}

Isto é, a intensidade do campo eléctrico varia inversamente com a distância à linha.


Um problema semelhante a este será calcular o campo eléctrico num ponto a uma distância z do ponto médio de um segmento de recta com comprimento 2L e que carrega uma densidade de carga linear uniforme \lambda.

Depois pode-se usar o resultado para calcular o campo a uma distância z do ponto médio de um loop quadrado com densidade linear de carga \lambda e passar deste para o cálculo do campo devido a um quadrado. Este último permite ainda calcular o campo de um plano infitio. :D
última vez editado por ampat s Segunda Jan 17, 2011 6:20 pm, editado 1 vez no total
ampat
bottom-Quark!
bottom-Quark!
 
Mensagens: 68
Registado: Sábado Dez 13, 2008 10:50 am
Localização: IST, Lisboa / Oeiras

Re: Campo eléctrico na vizinhança de um fio

Mensagempor hexphreak em Segunda Jan 17, 2011 1:02 pm

Obrigado André, está correcto :)

ampat Escreveu:Um problema semelhante a este será calcular o campo eléctrico num ponto a uma distância z do ponto médio de um segmento de recta com comprimento 2L e que carrega uma densidade de carga linear uniforme \lambda.

Nem precisa de ser no ponto médio, podes fazer num ponto qualquer do espaço. Embora as contas não sejam muito bonitas :P

ampat Escreveu:Este último permite ainda calcular o campo de um plano infitio. :D

Nunca tinha pensado em usar quadrados para isso. Habitualmente usam-se anéis (circulares) ou directamente a lei de Gauss, com uma "caixinha" paralela ao plano. A última é, claro, a forma que dá menos contas :wink:
Avatar do utilizador
hexphreak
top-Quark!
top-Quark!
 
Mensagens: 1959
Registado: Segunda Nov 05, 2007 8:52 pm
Localização: Maia/Porto


Voltar para Problemas resolvidos

Quem está ligado

Utilizadores a navegar neste fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante

cron